Segunda-feira, 7 de Julho de 2008

A meleca nos atinge a todos

Levei um puxão de orelhas de um leitor(a) anônimo(a) em função do texto anterior. Ele(a) alega que, naquele texto, acabei fazendo justamente o que condenei no primeiro sobre o mesmo assunto.

 
Bingo. O leitor tem razão.
 
Não cabia, neste furrunço universitário debater sobre rejeição a qualquer dos candidatos nem, principalmente, sobre argumentos golpistas. Diz o leitor(a) – ao que parece ligado(a) à UFRGS: “A questão toda era se haveria cumprimento à lei e aos estatutos ou se um grupo de candidatos, mesmo que sejam todos eles, pode de comum acordo mudar as regras do jogo durante a partida”. Claro, óbvio, elementar. O que estava em jogo não era apenas o resultado da eleição, mas o exemplo da comunidade da universitária à sociedade sobre a observância – ou não – das leis.
 
Errei ao cair no jogo golpista de tentar discutir o comportamento de candidatos em relação ao acordo. O acordo era ilegal, nem merece ser debatido. Este é assunto a ser levado ao Conselho para que ele decida como serão as próximas eleições, dentro da lei e dos estatutos da universidade. Senão, é como no caso (um entre tantos) do golpe militar chileno, onde a milicada liderada por Pinochet resolveu que, como Allende não havia obtido a maioria absoluta dos votos (por lei, bastava maioria simples), ele devia ser derrubado.
 
Evitado o “pinochetaço” na UFRGS, abre-se agora um novo momento para debater como serão as regras eleitorais daqui para frente, evitando-se assim, via deliberação e decisão do Consun, a abertura de novas possibilidades golpistas.
 
Obrigado ao leitor(a) anônimo(a) que apontou minha própria incoerência.
publicado por Ney Gastal às 01:04

link do post | comentar | favorito

> Um pouco mais sobre mim

> pesquisar

 

> Agosto 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30
31

> posts recentes

> Alemão - Parte I

> Alemão - Parte II

> Cadê a galinha? - Parte I...

> Cadê a galinha?

> Ortografia e atraso

> A força de quem não perde...

> A meleca nos atinge a tod...

> Terminou a temporada de b...

> Casamento à antiga

> Como um soluço causado pe...

> arquivos

> Agosto 2012

> Julho 2008

> Abril 2008

> tags

> todas as tags

> subscrever feeds